Eventos

Literatura maranhense nas salas de aula

7 de maio de 2016

Projeto AML na Escola doará títulos de autores maranhenses a escolas públicas de Ensino Médio; primeira a receber a visita dos imortais será o Liceu, nesta segunda-feira
Livros serão doados a 16 instituições (Foto: Gustavo Sampaio/ Do imirante.com)

Livros serão doados a 16 instituições (Foto: Gustavo Sampaio/ Do imirante.com)

Com o intuito de incentivar o hábito da leitura, formar novos leitores e divulgar as produções literárias maranhenses a Academia Maranhense de Letras inicia nesta segunda-feira, o projeto AML na Escola. A ação consiste em presentear 16 instituições de ensino, todas públicas e de nível médio, com um kit contendo mais de 30 obras de autores maranhenses. No ato das entregas, membros da Casa de Antônio Lobo promoverão um bate-papo entre estudantes e professores.

A primeira escola a receber os imortais, às 9h desta segunda-feira, será o Liceu Maranhense, quando os acadêmicos Benedito Buzar (presidente da AML e idealizador do projeto), José Carlos Sousa e Silva, Sebastião Moreira Duarte, José Ewerton Neto, Joaquim Haickel, entre outros comparecerão à escola para levar os livros e também para conversar com os alunos e seus mestres. “O objetivo não é apenas presentear a escola com os livros, mas construir uma relação de mão dupla, onde a Academia vai às escolas, mas também na qual as escolas possam visitar a Academia. Uma troca saudável a partir de conversas sobre livros e literatura, em especial a maranhense”, destaca Benedito Buzar.

A seleção das escolas que compõem o projeto foi feita pela Secretaria de Estado da Educação, a pedido da AML. Dos 16 Centros de Ensino selecionados para receberem os kits, 13 terão a visita dos imortais. “Nossas restrições em relação à escolha das escolas foram apenas que fossem escolas públicas de nível médio e que preferencialmente tivessem biblioteca”, frisa Buzar.

Integram esta lista Centros de Ensinos como Maria Aragão, localizada na Cidade Operária; Almirante Tamandaré, na Cohab; Manoel Beckman, Bequimão; Gonçalves Dias, Alemanha; Colégio Militar Tiradentes, na Vila Palmeira; Vinícius de Moraes, Divinéia; entre outras. As visitas serão feitas durante duas semanas.

Kits – Fazem parte do kit além das obras, volumes da Revista da AML. Os livros, todos publicações da Academia Maranhense de Letras, são assinados por nomes como Aluísio Azevedo, Henriques Leal, Dunshee de Abranches, Jerônimo de Viveiro, José Sarney, Mário Meireles, Trajano Galvão, entre outros.

Entre os clássicos maranhenses destaque para obras como “O Mulato”, de Aluísio de Azevedo; “Alcântara no seu passado econômico, social e político”, de Jerônimo de Viveiros; “Notícia acerca da vida e obras de João Francisco Lisboa”, de Henriques Leal; “História da Companhia de Jesus”, de José de Moraes; “Sertanejas”, de Trajano Galvão, etc.

A pretensão da Casa de Antônio Lobo, de acordo com Benedito Buzar, é fazer o projeto todo ano, sempre incorporando novas escolas. “Acreditamos que por se tratar de um projeto pedagógico, de formação, deve ser algo permanente”.

A julgar pela boa receptividade que os acadêmicos estão tendo ao entrar em contato com os diretores das unidades de ensino, o projeto terá vida longa. “Estamos sendo recebidos sempre com muito entusiasmo nesta primeira fase do projeto, que é a de entrar em contato, por telefone, com os gestores destas escolas. Isto nos deixa muito felizes”, diz Buzar.

A intenção é de que após concluídas as entregas dos kits, os alunos e professores das escolas também possam visitar a Casa de Antônio Lobo, que sempre é procurada por instituições de ensino, inclusive do interior do estado. Prova disto foi a visita feita por um grupo de estudantes e professores do município de São Benedito do Rio Preto. “Assim vamos estreitar ainda mais estes laços com a comunidade estudantil”, sentencia Buzar.

O objetivo não é apenas presentear a escola com os livros, mas construir uma relação de mão dupla, onde a Academia vai às escolas, mas também na qual as escolas possam visitar a Academia”
Escolas que receberão os livros

CE São Cristóvão

CE Maria Aragão

CE José Justino pereira

CE Barjonas Lobão

CE Almirante Tamandaré

CE Manoel Beckman

CE José Nascimento Moraes

CE Fernando Perdigão

CE Humberto de Campos

CE Gonçalves Dias

CE Margarida Pires Leal

CE Colégio Militar Tiradentes

CE Colégio Militar 2 de Julho

CE Paulo Freire

CE Vinicius de Moraes

CE Barjonas Lobão – CAIC
Livros do kit

– O Mulato – Aluísio Azevedo

– Folhinha de Algibeira, Revistas da AML, Livro do Centenário – AML

– A nação Guesa – Ana Santana Sousa

– Noticia acerca da vida e obra de João Francisco Lisboa – Henriques Leal

– A esfinge de Grajaú, O cativeiro – Dunshee de Abranches

– Nós éramos – Coelho Neto

– O meu próprio romance – Graça Aranha

– Alcântara no seu passado econômico, social e político – Jerônimo de Viveiro

– Vida do Padre Antônio Vieira – João Lisboa

– A falência do ilusório, Sob o sol – Joaqueim Itapary

– Canção do abandono, Seleta poética, Ana Jansen rainha do Maranhão, Coisa alguma e alguma coisa sobre Vespasiano Ramos – Jomar Moraes

– A arca do tempo, O fio dental, Da arte de falar bem – José Chagas

– A canção inicial – José Sarney

– Afirmando o viver – José Pereira Neto

– História da Companhia de Jesus – José de Moraes

– Um viajante ilustrado – Milton Torres

– França Equinocial, João de Barros primeiro donatário do Maranhão, O Brasil a partição do mar-oceano, – Dez estudos históricos –Mário Meireles

– Canção itinerário – Manoel Lopes

– Outono estação do amor, Após a solidão de certas horas – Manoel Caetano Bandeira

– Poemas – Milton Torres

– A épica e a época de Sousândrade – Sebastião Moreira Duarte

– Relação Sumária – Simão Estácio/Jomar Moraes

– Sertanejas – Trajano Galvão