Notícias

Escritora e promotora de Justiça, Ana Luiza Ferro é eleita para a AML

17 de março de 2017

Com 31 votos, ela foi eleita na tarde de ontem como nova integrante da Academia Maranhense de Letras; ele concorreu com o juiz de Direito Manoel Aureliano Neto

Ana Luíza Ferro é a nova integrante da Academia Maranhense de Letras (Foto: De Jesus / O ESTADO)

A escritora a promotora de Justiça, Ana Luíza Ferro, é a nova integrante da Academia Maranhense de Letras (AML). Ela foi eleita no fim da tarde de ontem com 31 votos a favor contra apenas três do escritor e juiz de Direito, Manoel Aureliano Neto. Ela ocupará a cadeira nº 12 da Casa de Antônio Lobo.

Na eleição, 36 membros votaram. Deste total, houve apenas duas abstenções. Após a decisão, o presidente da AML, Benedito Buzar, divulgou o resultado final. “ É com imenso prazer que digo que esta Casa terá uma nova integrante. A Academia ganhará intelectualmente com a presença de Ana Luiza Ferro”, disse.

Em seguida, integrantes da Academia se deslocaram até a residência da nova integrante da instituição para o comunicado oficial. “ Quero dizer que a senhora é a mais nova componente desta casa”, disse Benedito Buzar. Além dele, outros integrantes da AML também fizeram questão de parabenizar Ana Luiza Ferro. “ É com grande honra que faço questão de cumprimentar a promotora Ana Luiza por esta indicação”, disse o ocupante da xadeira nº 8 da AML, Lino Moreira.

Sonho

Após o comunicado, a nova integrante da AML disse a O Estado que a indicação para ser membro da instituição é a “realização de um sonho”. Para ela, a Casa de Antônio Lobo é a representação do valor nobre da produção literária maranhense. “ Eu me sinto muito feliz com a indicação e muito honrada. Quero agradecer a todos os componentes desta Casa e dizer que farei de tudo para valorizar esta nova função”, disse.

A promotora e escritora Ana Luiza Ferro nasceu em São Luís. Filha do historiador Wilson Pires Ferro e da contabilista Eunice Graça Almeida Ferro, atualmente ela é titular da 14ª Promotoria de Justiça Criminal da capital. Além disso, exerce a função de professora da Universidade Ceuma, poeta, historiadora e conferencista.

A nova integrante da AML é doutora e mestre em Ciências Penais pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), graduada em Letras e Direito pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e integrante de honra, por exemplo, da Sociedade Brasileira de Psicologia Jurídica (SPBJ).

Além de formação acadêmica, Ana Luiza Ferro também é autora de livros, entre elas, “ O Tribunal de Nuremberg”, “ Versos e Anversos”, “ Escusas absolutórias do Direito Penal” e “ O crime de falso testemunho ou falsa perícia”.

Frase

“Eu me sinto muito feliz com a indicação e muito honrada. Quero agradecer a todos os componentes desta casa e dizer que farei de tudo para valorizar esta nova função”,

Ana Luiza Ferro

Nova integrante da AML