Titulos à Venda

A tara e a toga

Autor: Waldemiro Viana

O prefaciador de uma obra literária é um leitor privilegiado. Se convidado a montar o portal ou se auto/oferecendo, em tal situação ele jamais fala uma verdade integral, perdendo sua condição de crítico radical, aquele que se debruça sobre o texto e o disseca até a medula. Não gosto de prefaciar, muito menos de ser prefaciado, e explico. Convidado a produzir tal peça você fica impedido de puxar a cadeira do autor; convidando alguém para lhe apresentar a seus leitores você espera por um bom comercial — que o prefácio vende.
Tem prefácios curtos e brilhantes e tem prefácios longos e entediantes. E tem aqueles emproados, onde o prefaciador mais exibe uma questionável cultura livresca que a obra do prefaciado. Aqueles eruditos de carteirinha que nunca terminam uma frase sem citar Lacan, sem comentar posições eruditas deste ou daquele, Bourdieu, Bloomfield, Foucault entre outros criadores de teorias e linguagens, raramente escrevem algo de concreto sobre a obra que se propunham apresentar.


Formúlario de Compra

Para saber sobre preços e prazos utlize o formúlario abaixo ou ligue para: (98)3231-3242.