A MÃO DO PRESIDENTE ou Impressões Digitais de uma Época

José Chagas (Piancó, 29.out.1924), paraibano de nascimento, radicou-se no Maranhão, desde a juventude, e de modo definitivo. Cronista e poeta, consagrou a maior parte de sua obra em prosa e verso a São Luís, onde reside a partir dos anos 40.
Com este cordel, volta José Chagas, tal como faz semanalmente em suas crônicas, à crítica contundente a problemas da atualidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carrinho de compras